Uso a escrita pra demonstrar amor, carinho, e pra dizer tudo que eu talvez não conseguisse dizer pessoalmente graças a minha fraqueza e ao meu medo. [...] Ela serve também para eu me livrar de tudo de pior , como ódio, raiva, rancor e mágoa. Pobre papel, [...] É sobre ele que está concentrada toda minha auto-defesa e minha auto-crítica, todos os meus sabores e dissabores. (Texto na Íntegra)

terça-feira, janeiro 18, 2011


Preconceito gritante!

2

Em todos os sites de pesquisa sobre a votação do primeiro paredão do reality show “BBB 11” mostra a Transexual Ariadna, natural do Rio de Janeiro, Realengo, sendo eliminada com uma larga diferença dos demais dois emparedados. Isso só demonstra um Brasil preconceituoso, tão preconceituoso e hipócrita que ao invés de assumir todo seu desprezo pelo diferente, fica usando a máscara de país liberal, democrático e liberto de discriminação. Quem sou eu pra julgar alguém só porque escolheu virar mulher a sentir orgasmo? Cabe a mim julgar o que ela é como pessoa, e ao meu ver ela é burra, puta, favelada, mas tem um bom coração, corre atrás do sonho dela qe era virar mulher e conseguiu. Guerreira ela é, isso é inegável. E ainda assim as pessoas tem tanto contra ela. Por que? “Ser diferente é normal” , já dizia a muito tempo o sambaenredo do Império Serrano. Porém, vivemos em um país misto onde pessoas tem preconceito contra tudo, até contra a própria cor. 
Não sou um travesti, nem tenho vontade de ser um. Mas cada um tem o direito de  fazer o que quer com seu corpo, cabem aos outros respeitarem, porém, se aceitassem, a convivência seria muito melhor.
Ariadna, torço para que fique. Porém, sei que é muito difícil. Boa sorte.

2 comentários:

CaroLiny disse...

... não acho que seja questão de preconceito, não. Ngm destratou ele (a), creio que saiu porque quis dar um de rejeitado, pobre coitado e bla bla bla. Votei pra ele sair porque ele é chato. E se tem bom coração eu não sei, nem você! Só o vimos na TV e msm assim por alguns dias. Será mesmo que é à toa que ele disse que não tem amigos?! Sei lá né... enfim, te amo, Jenny s2

Jenny Ávila disse...

Não a destrataram lá dentro, mas aqui fora sim. Não critico quem votou nela porque simplesmente não gostou, como eu não gosto da Michelly, do Lucival e afins. E sim quem não gostou dela porque ela é uma transexual. Acredito que é a escolha de cada um, e não deviam discriminar por isso. Mas ocorre, sabe que ocorre. A sociedade é repleta de pequenos conceitos hipócritas e regrinhas medíocres. Tratar um transexual diferente de qualquer outro é ter um pensamento medíocre.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.

Volte sempre.

E se gostou do meu cantinho, divulgue-o!